terça-feira, 4 de agosto de 2015

Não de brechas para ser atacado


A Palavra de Deus nos mostra que o inimigo vive a rodear o povo de Deus,  verificando quem ele pode tragar, isto que a Bíblia nos ensina.

Isto é tão antigo quanto a criação do homem, e voltando a passagem de Balaao contratado por Balaque para amaldiçoar o povo de Deus,  veja que a primeira coisa que Balaao e Balaque fazem é rodear o povo de Deus, para verificar se havia alguma brecha para que eles pudessem atacar.

Números 22:41:" ...Balaque tomou a Balaao e levou - o aos altos de Baal, e viu dali a última parte do povo"

Números 22:13-14:" ...disse Balaque: Ora vem  e te levarei a outro lugar...."

Números 23:27-28:"... disse mais Balaque a Balaao, vem e te levarei a outro lugar. ..."

Veja que Balaque e Balaao foram até três pontos estratégicos para verificar se havia qualquer abertura,  para que aquele povo pudesse ser derrotado.

Assim é conosco espirtualmente falando,  os inimigos nos rodeiam, para verificar se abrimos brechas na nossa vida, através da desobediência,  do pecado,  para nos atacar.

A Palavra nos orienta então a vigiar, os três pontos estratégicos da vida do ser humano: corpo, alma e espírito,  onde o inimigo vai atacar.

Ele fez assim com Jesus, ele procurou uma maneira de atacar usando a necessidade do corpo de Jesus,  quando orientou a Jesus que mandasse que as pedras se transformasse em pão, para saciar a fome,  após o jejum de 40 dias.

Atacou a mente de Jesus,  quando oferece todos os reinos da terra,  se Jesus o adorasse.
Atacou o Espírito, quando disse:"Se tu és filho de Deus. ..", questionando a fé de Jesus.
Jesus porém vigiou e respondeu segundo a Palavra:

"Está escrito".

Portanto vigie,  não de brechas e faça apenas aquilo que a Palavra orienta e não haverá espaço para ser derrotado.

Nenhum comentário: